4 benefícios do uso de tecnologia no inventário do estoque

Hoje, a tecnologia no inventário do estoque facilitou uma das atividades mais fundamentais de uma gestão de armazenagem. Realizar a conferência e contagem dos itens que entram e saem das suas prateleiras é uma ação básica de qualquer armazém. No entanto, apesar disso, o procedimento adotado por muitas empresas ainda pode ser visto como obsoleto e demorado, o que, consequentemente, impacta na qualidade das operações. 

Para mostrar como a tecnologia e ferramentas adequadas são essenciais para um inventário mais assertivo e eficiente, preparamos este post com 4 vantagens indiscutíveis que a tecnologia proporciona a esta atividade. Vamos conferir? 

As 4 principais vantagens da tecnologia no inventário do estoque

1. Menos riscos de desperdícios 

Só quem lida com processos de armazenagem sabe o quanto isto requer um trabalho de gestão de estoque detalhado. Imagine, por exemplo, uma estocagem de alimentos específicos, em que é preciso um controle maior sobre os vencimentos dos produtos. Certamente, os possíveis desperdícios são um problema a se preocupar. 

Por outro lado, o uso da tecnologia no inventário do estoque de itens como esses, se faz primordial para um monitoramento mais apurado e seguro. Afinal, por meio de um sistema de gestão de estoque, é possível controlar a entrada e saída das mercadorias, baseando-se em datas, lotes ou outras informações que ajudam a evitar tais perdas. 

2. Redução de tempo 

Geralmente, para se realizar um inventário de estoque, aquele setor ou, até mesmo, a empresa inteira, precisa paralisar as suas operações até o fim da contagem e reposição dos itens. Certamente, quanto mais demorado for esse processo, menor será a produtividade de seus negócios. 

É fundamental enxergar a reposição como um processo que precisa ser rápido e eficiente. Isso só é possível por meio do uso de tecnologia no inventário do estoque. Afinal, além das ferramentas de controle disponíveis em um sistema WMS o próprio software é integrado ao seu ERP, o que já agiliza a transferência de informações e reduz, significativamente, o tempo de trabalho. 

3. Redução de erros 

Trabalhos manuais são mais propícios a erros. Imagine precisar identificar, separar e endereçar todos os itens do estoque, um a um, sem nenhum tipo de tecnologia. Certamente, isso demandaria muito tempo e trabalho, mas principalmente, aumentaria as chances de falhas e informações erradas. 

O uso da tecnologia no inventário do estoque promove a automação desses processos, gerando dados mais assertivos e um controle mais minucioso de cada item de suas prateleiras. 

4. Melhora a qualidade de seu atendimento 

Não pense que o inventário é uma atividade meramente operacional. Ela deve ser encarada como parte fundamental da estratégia de sua empresa. Isso por que ela impacta na sua capacidade de atendimento. Quer um exemplo prático? Imagine, por exemplo, faltarem produtos no estoque, por erros de informações entre o que deu entrada no armazém e o que está disponível no WMS. Percebe como isso pode afetar também as relações comerciais com seus clientes

O uso da tecnologia no inventário do estoque é estratégia primordial para o controle efetivo de seu armazém, centro de distribuição e depósito. Hoje, as soluções disponíveis estão ainda mais flexíveis, sendo possível uma implementação completa ou modular, de acordo com as suas necessidades e especificidades.

Independentemente disso, contar com um sistema WMS em sua logística é crucial para atingir todos os benefícios citados, além de otimizar muitos outros processos de sua cadeia de suprimento.   

Quer saber um pouco mais como esse sistema pode mudar a rotina de sua empresa para melhor e facilitar todo o seu trabalho de gestão logística? Então, entre em contato com nossos especialistas e modernize seus processos com quem entende do assunto. 

Facebook
Facebook
LinkedIn