Afinal, como funciona um sistema WMS?

As organizações precisam se reinventar diariamente para atender às necessidades de um consumidor cada vez mais exigente e com um grande poder de decisão. Antes, a logística das empresas se limitava a atender pedidos dentro de um prazo estipulado. Agora, com tecnologias como o sistema WMS, este setor passou a proporcionar experiências únicas e impactar o cliente de alguma forma.  

Portanto, muito mais que uma solução tecnológica para a sua gestão de estoque, o sistema WMS é uma ferramenta imprescindível de diferenciação da empresa no mercado. Quer entender melhor o funcionamento desse software e por que ele é considerado uma das tendências da logística 4.0? Então, continue a leitura!

Como funciona um sistema WMS? 

O sistema WMS surgiu para ajudar as empresas a integrarem todos os processos de uma gestão de estoque em um único ambiente: o recebimento da mercadoria, a identificação, o endereçamento, a armazenagem e, finalmente, a distribuição. 

Além do sistema WMS por si só, outras ferramentas e integrações trabalham em conjunto, trazendo, assim, soluções completas e inteligentes para a sua gestão de estoque. Confira alguns exemplos!

Integração com ERP 

O sistema WMS trabalha de forma integrada com o ERP da empresa e há uma ligação decisiva entre os dois sistemas. Afinal, o primeiro aumenta a capacidade de controle e acurácia de dados referentes ao estoque e, automaticamente, repassa para o software principal com níveis de detalhes que ele não teria sozinho.

Código de barras e coletores de dados 

Outra solução tecnológica ligada ao sistema WMS é o código de barras nos produtos e o uso de coletores de dados para transmitir, de imediato, todas as informações referentes às mercadorias ao software.

Ou seja, cada ação envolvendo qualquer que seja o item do estoque — como entrada, saída, rastreio, picking ou inventário — será registrada ou emitida por essas ferramentas, evitando erros, falhas ou perdas. 

Sistema WMS

Como o sistema WMS atua em cada processo logístico? 

Abaixo, mostramos as principais etapas de uma supply chain e como um sistema WMS atua em cada uma delas. Tente imaginar essa atuação na prática em sua empresa e o quanto isso solucionaria os gargalos e as demoras. 

  • recebimento: assim que o produto chega em seu depósito, ele dá entrada no sistema WMS por meio da importação de algum documento de seu ERP (pedido, NF etc). Depois disso, ele é etiquetado com um código de barras, que passa a permitir o controle e rastreio em qualquer operação em seu armazém, de forma prática e imediata; 

  • armazenamento: com a etiquetagem, o produto será direcionado à sessão ou ao setor específico para ele conforme regras pré-estabelecidas. O sistema WMS permite personalizar os critérios de armazenagem, respeitando especificidades como capacidade do endereço, volumetria, proximidade de itens etc; 

  • picking: o processo mais complexo dentro da supply chain se torna prático, seguro e ágil com um sistema WMS. Isso porque o software dispara comandos para o coletor de dados buscar os produtos nas prateleiras e obedece às suas especificidades (lote, data de validade, métodos FIFO/LIFO, tipo de SKU etc). Em questão de segundos, o produto exato é localizado e separado; 

  • inventário: outra etapa fundamental de uma gestão de estoque na qual o sistema WMS pode ter papel crucial. Afinal, com os itens devidamente etiquetados, o software, com a ajuda dos coletores de dados, consegue contabilizar o número exato de produtos disponíveis e atualizar o sistema com informações assertivas. 

Quais são as vantagens do AUTOLOG WMS? 

A solução AUTOLOG WMS foi desenvolvida com tecnologia de ponta e parametrização diferenciada. Este sistema WMS, oferecido pela TWx, é um dos mais flexíveis, sendo possível uma implementação tanto completa quanto modular, de acordo com as necessidades de sua operação. 

O AUTOLOG WMS permite a integração com a maioria dos ERPs do mercado graças à sua modularidade. Além disso, proporciona instalações rápidas e práticas, ideais para aquela solução com grande urgência e prazos comprometidos.

Por fim, o AUTOLOG WMS é totalmente web, o que possibilita ao gestor tomar as suas decisões de qualquer lugar e a qualquer momento. 

Se a sua empresa procura um sistema WMS realmente eficiente, seja para solucionar problemas, modernizar a gestão de estoque ou reduzir custos, converse com um de nossos especialistas e conheça as nossas tecnologias!