• maio 24, 2023
  • TWX
  • 0

Se você está buscando uma ferramenta completa para otimizar a cadeia de suprimentos, de ponta a ponta, em sua indústria, então, o Autolog WMS da TWx pode ser a solução ideal! O Autolog WMS ajuda a logística da indústria, e muito!

Afinal, estamos falando de um dos sistemas mais completos e dinâmicos de todo o mercado brasileiro, com possibilidade de implementações modulares e um custo-benefício extremamente superior a maior parte das tecnologias oferecida hoje por outras empresas. 

E para provar tudo isso na prática, preparamos um mini guia detalhado sobre as possíveis atuações do Autolog WMS em uma indústria e os impactos que isso pode gerar em seu dia a dia. 

Boa leitura! 

Como Autolog WMS ajuda a logística da indústria e toda cadeia de suprimentos? 

Um sistema WMS (Warehouse Management System) é um tipo de software específico para a completa gestão de estoque, sendo completamente aplicável às cadeias de suprimentos industriais.  

Na prática, a ferramenta permite gerenciar e otimizar todas as operações de um armazém ou centro de distribuição, agregando assim mais controle, segurança e eficiência a todas as etapas de um supply chain, de ponta a ponta.  

O Autolog WMS ajuda a logística da indústria e atua na cadeia de suprimentos de uma indústria de várias maneiras, como por exemplo:   

  • Recebimento e movimentação de mercadorias – o WMS ajuda a garantir que todas as mercadorias recebidas sejam registradas e classificadas corretamente no sistema, além de endereçadas e movimentadas corretamente, de modo que possam ser facilmente localizadas quando necessário;   
  •  Controle de estoque – o sistema WMS mantém um registro detalhado de todo o estoque no armazém, incluindo informações como localização, quantidade, data de entrada, data de saída e data de validade. Isso ajuda a garantir que os níveis de estoque estejam sempre adequados e que os produtos mais antigos sejam retirados primeiro;   
  •  Gerenciamento de pedidos – o WMS ajuda a gerenciar todo o processo de atendimento de pedidos, desde a coleta dos itens no armazém até a entrega ao cliente final. Isso inclui o planejamento de rotas, o gerenciamento de frotas e a monitoração do status da entrega;   
  •  Melhoria da produtividade – o sistema WMS utiliza tecnologias avançadas, como código de barras, RFID e sistemas automatizados de armazenamento e recuperação, para ajudar a reduzir os tempos de ciclo e aumentar a produtividade do armazém;   
  •  Monitoramento e análise de desempenho – o WMS fornece dados e métricas valiosas sobre o desempenho do armazém, incluindo informações sobre a velocidade de processamento, a precisão do pedido e o tempo de ciclo. Essas informações podem ser usadas para identificar áreas de melhoria e aprimorar a eficiência do armazém ao longo do tempo.   

Em resumo, o Autolog WMS ajuda a logística da indústria e é uma ferramenta valiosa para gerenciar efetivamente as operações de armazenagem e movimentação de produtos em uma indústria, permitindo que ela opere com maior eficiência e precisão na cadeia de suprimentos.  

Por que o Autolog WMS é a ferramenta ideal para indústrias? 

Entre as inúmeras ferramentas disponíveis hoje no mercado brasileiro, o Autolog WMS, da TWx, se destaca por diferentes aspectos e fatores exclusivos. 

A começar pelo fato de ser um software completo e capaz de otimizar todas as etapas de uma cadeia de suprimentos industrial de ponta a ponta, desde a chegada dos insumos e materiais na portaria, até a expedição e carregamento dos produtos finais. 

Além disso, o Autolog WMS pode ser implementado nas indústrias de forma modular ou completa, o que torna este processo ainda mais flexível e com um menor custo para a sua empresa, atendendo exatamente cada necessidade do cliente. 

Entre as possibilidades disponíveis, o sistema Autolog WMS da TWx conta com os seguintes módulos:  

  • Portaria; 
  • Identificação; 
  • Recebimento; 
  • Armazenamento (Endereçamento); 
  • Transferência / Ressuprimento (Movimentação); 
  • Picking e Packing
  • Checkout; 
  • Expedição; 
  • Inventário

E entre as tarefas que podem ser otimizadas pelo Autolog WMS na prática, podemos destacar também os seguintes exemplos:  

  • Controle gerencial (Indicadores de performance da operação); 
  • Supervisão Gráfica (Endereços e Tarefas dos operadores); 
  • Controles por FIFO, FEFO, LIFO, controle de lote e número de série; 
  • Acuracidade dos inventários; 
  • Eliminação de erros de controles; 
  • Rastreabilidade total dos produtos; 
  • Personalização dos controles (por lote, série, SKU, data de validade etc.); 
  • Controle do shelf-life dos itens. 

Enfim, essas são alguns dos principais destaques do Autolog WMS em sua indústria e como tal ferramenta pode otimizar sua cadeia de suprimentos por completo, agregando diversas vantagens operacionais, reduzindo custos e melhorando a eficiência de toda a empresa. 

Quer saber mais e conhecer melhor os diferenciais exclusivos do Autolog WMS da TWx? Então, converse agora com um de nossos especialistas e agende uma apresentação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir bate-papo
1
Olá 👋
Posso Ajudar?